Digite o que você deseja buscar no site:


// MARGEM DE PREFERÊNCIA EM LICITAÇÕES

A lei 8.666/93 criou, no artigo 3º, a possibilidade de se estabelecer margem de preferência para a contratação de bens e serviços nacionais, criando-se uma exceção ao princípio da isonomia. Essas margens de preferência podem ser criadas para cada tipo de bem e serviço por decreto, que especificará o percentual de preferência em cada caso.

A partir daí, têm sido editados diversos decretos para cada caso. Acho interessante que o aluno leia ao menos um desses decretos para se inteirar de como é feita essa diferenciação preferencial.

Segue um desses decretos para análise, como exemplo.

DECRETO


9 + 7 =

  1. Dsfdfds     24 de maio de 2015 @ 19:05

    14 de fevereiro de 2013 at 10:59Pr Silcrei Monteiro Diz:Deus e fiel, foi mavloiahrso todos estes dias vivenciando o agir Divino em nossas vidas. Je1 estou com saudades de todos participantes, e creio que em breve Jesus nos surpreendera com muito mais

  2. jose gaspar silva de moras     17 de março de 2013 @ 21:29

    conteudo precis ser mais claro para melhor entendimento da margen de preferencia.

  3. jose gaspar silva de moras     17 de março de 2013 @ 21:27

    a materia é muito importante, no entanto precisa ser mais clara para melhor entendimento

© Copyright Professor Gustavo Mello Knoplock . Todos os direitos reservados.